No dia 31, Amanda Gurgel assina pedido de impeachment da governadora Rosalba Ciarlini (DEM), junto com outros representantes de trabalhadores e movimentos sociais, como a coordenadora do Sindsaúde, Simone Dutra. Pedido de impeachment foi entregue ao presidente da Assembleia Legislativa, Ricardo Motta (PROS). Cerca de 400 trabalhadores protestaram em frente ao Legislativo, exigindo o “Fora Rosalba”. No documento, a governadora foi denunciada pelo crime de responsabilidade e por improbidade administrativa, com base na Lei 1.079. Servidores responsabilizaram Rosalba por não cumprir os direitos básicos, como saúde, educação e segurança.

Leia mais. 

Facebook Comments